terça-feira, 13 de março de 2018

George Eliot

A Morte é a Rainha deste mundo: Aqui é o parque
em que Ela cria vida para se alimentar. Gritos de dor são como música para seu banquete.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimo

Amor "Suas palavras me cortam a pele E eu sangro Eu rasgo meus sonhos Me viro do lado,do avesso Apago meu rastro Pago o seu preço Ar...