quarta-feira, 7 de março de 2018

Oscar Wilde, The Ballad of Reading Gaol

Uma ou outra vez
Também é cortês arremessar o dado,
Mas na Casa da Vergonha, jamais ganha
Aquele que joga com o Pecado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimo

Amor "Suas palavras me cortam a pele E eu sangro Eu rasgo meus sonhos Me viro do lado,do avesso Apago meu rastro Pago o seu preço Ar...